10/11/08

De mochila às costas

O pior que pode acontecer é sentirmos uma mochila às costas durante toda a vida. Uma mochila só se leva com um sorriso nos lábios no primeiro dia de escola e para férias. A mochila significa novidade e aventura. Se no local de trabalho, temos mochilas que não largam as nossas costas o peso torna-se insuportável e o enjôo apodera-se de nós. Se podemos partir de viagem a vida é uma felicidade. Se por outro lado, a obrigação nos dita o contrário, temos no mínimo um grande azar.

No caso dos professores é caso para perguntar se andam com mochila própria, se pediram alguma emprestada, se andam permanentemente em viajem ou se apenas têm um azar do caraças?

8 comentários:

Paulo Cunha Porto disse...

Querida Grande Jóia,
eu diria que, seja como for, o que nela transportam é o peso que a Ministra deveria ter na consciência. O Diabo que a carregue! À mochila, claro... e não só!
Beijinho

Tricky Traveler disse...

Eu sou fãn das mochilas. Tenhoa-as para tudo. Grandes, pequenas, para a praia, para o campo, para a máquina fotográfica, para o computador, ....mas mocilhas à parte. A música da Mariana é fantástica.
TT

Grande Jóia disse...

Paulo, o peso é grande e mal distribuído. E mochilas assim dão cabo duma pessoa:)
TT, que bom vê-lo por aqui, o meu amigo que tanto gosta de viagens.
Continuo à espera do livro de fotografias. Talvez este Natal?

Mike disse...

Eu também sou fã de mochilas. Mas não das que os professores têm que levar às costas. Como diz o Paulo, o Diabo que as carregue mais o peso na consciência que Ministra devia carregar.

ana v. disse...

A mochila dos professores chama-se Maria de Lurdes, e a de nós todos chama-se Sócrates...

Off-topic: Grande Jóia, satisfaça a minha curiosidade... porque é que escolheu este nick tão engraçado?

Grande Jóia disse...

Ana, as suas palavras são jóias, neste caso pesadas e dificeis de usar. Sabe, como aquelas que nos dão sem querermos e que não nos conseguimos ver livres, até ao dia em que decidimos fazer uma grande arrumação de gavetas. Aí fica apenas a Grande Jóia. E essa, que esteve sempre connosco e ninguém a cobiçou, é apenas a nossa alma cheia de estados de espírito.

Grande Jóia disse...

Mike, as suas mochilas devem ser de todos os tamanhos como as do TT. Passeios de bicicleta, baldes da praia, pranchas de surf e acessórios necessitam de muito espaço.Para não falar do farnel que normalmente acompanha esses passeios com a criançada...;)
Agora as outras também estou consigo.

ana v. disse...

Obrigada pela explicação, GJ. Gostei... grande jóia = a alma. Faz todo o sentido.