13/01/10

Avatar no Vaticano

Houve tempos em que o Vaticano não se pronunciava a não ser em latim. Agora, por assim dizer tem palavra a dizer sobre tudo. Neste caso, o filme Avatar foi o contemplado considerando o Papa que é perigoso idealizar a natureza como uma potencial divindade. O Vaticano que tem alertado para a preservação da natureza e do ambiente, parece assustado com a capacidade e o impacto da projecção a 3D. Não vá o diabo tecê-las e virar-se o feitiço contra o feiticeiro, proponho que se chame o Al Gore para por James Cameron na ordem. Como diz o outro, haja paciência!

2 comentários:

ana v. disse...

É o espectro do regresso ao paganismo, GJ. Afinal, foi aí que tudo começou... ;-)

Austeriana disse...

[Fora de contexto... ainda não vi o filme...]
Há um certificado para este blogue no «B-c». :)))