09/07/10

Aos meus filhos

De vez em quando os filhos perguntam-me porque os estou a olhar. A resposta é isso aí, não tem grande explicação. Cada um pelas próprias razões de um dia os ter trazido ao mundo. É isso aí.


"E isso ai" Ana Carolina y Seu Jorge

12 comentários:

Dreamer disse...

Também costumo ficar a olhar para as minhas filhas, e pensar se fui ou não a mãe que elas quereriam ter...

bacouca disse...

GJ
É isso aí...Acho que tivemos uma grande benção.
Que bom olhar para eles e vê-los tranquilos, de bem com a vida de uma forma simples.
Um beijo

Mike disse...

É isso aí, GJ... por momentos pensou que só à Colega isso acontecia?... eheheheh... é isso aí, estragámos-lhe (pelo menos estes 3 comentadores) o encanto de um momento que, aparentemente, só a si aconteceria. (risos)
p.s. - eu, tal como o Dreamer não somos mães, mas não altera nada.
(raios! este post é suposto ser sério... não sei o que me deu para lhe deixar este comentário). ;-D

Dulce Braga disse...

É isso aí...o mais belo projeto do ser humano...a sua continuidade através do amor!
bj

Dreamer disse...

O Mike anda distraído. Então pergunto se fui ou não a MÃE e ele
chamam-me homem????

Dreamer disse...

Queria dizer chama-me

Si disse...

É mesmo, GJ.
Coisa mais instintiva, visceral e intensa, credo.
E tão boa de sentir!

GJ disse...

Os pais galinha também o fazem, verdade seja...;)
Dreamer não ligue, quem anda a atropelhar transeuntes fica baralhado.(risos)

GJ disse...

Si é isso mesmo, visceral e intensa. E boa de sentir.:-)

GJ disse...

Dulce, estas crias são nossas para a vida.;)

GJ disse...

Dreamer, essa é uma eterna questão...

GJ disse...

Esse sentimento, Bacouca, é um grande lavar de alma.