01/08/09

O Piquenique de Sarah

Atitudes e consensos são necessários, mesmo para a governadora que já não vai ficar à espera de mais comentários danosos à sua carreira política. Assim, demitindo-se do cargo, Sarah Palin pode preparar o seu regresso com um look diferente e uma agenda com outra credibilidade. Se pretende candidatar-se em 2012 para um cargo, que em unanimidade os americanos não lhe reconheceram qualquer equilíbrio, o melhor é fazer de conta que vai de férias tomar conta da família e contratar um assessor de comunicação que a faça parecer diferente ou a obrigue a estudar e a ler muito. Depois, aquele ar de mãe de família, com dotes de caça e de pesca, não vem nada a propósito quando o actual presidente representa a universalidade dos consensos. Qualquer potencial candidato que pretende fazer campanha do outro lado da barricada tem de estar preparado para seduzir o mundo com argumentos. O piquenique de Sarah está apenas a começar.

Sarah Palin (Público)

7 comentários:

Luísa disse...

Para além de todas as suas considerações, GJ, com as quais estou genericamente de acordo, a minha opinião pessoalíssima é que a presidência dos EUA só deveria ser entregue a um jovem muito inteligente, muito despojado e muito altruísta com mais de setenta anos de idade. ;-D

Austeriana disse...

A ideia com que fiquei desta senhora é a de que ela é uma espécie de "Bush II", mas mais nova. Pode ser que, para as próximas eleições, haja um canal americano que se lembre de fazer um frente-a-frente Sarah Palin/Michelle Obama: Ia ser um momento único!

Mike disse...

Eu não gosto da Sarah Palin, GJ. Já é sabido que tenho um piquinho de desconfiança em relação a Obama, mas desta senhora(?) não gosto mesmo, que fazer? Por exemplo, não ir a nenhum piquenique com ela, não acha? ;)

GJ disse...

Luísa, um jovem muito inteligente, muito altruísta e com mais de setenta anos...tarefa improvável mas não impossivel.;)
A Sarah não tem esse perfil, mas nunca se sabe.

GJ disse...

Austeriana, o momento seria único como diz. A ideia com que fiquei da Palin é que a quiseram colocar num podium muito mal amanhado, assim por dizer...Mas nos EUA tudo se faz rápido e depende da capacidade de aprendizagem. Nunca se sabe...;)

GJ disse...

Mike, eu não vou a piqueniques com a Sarah e ainda por cima o carvão faz mal à saúde. :)
Mas podia ser uma janela de oportunidades para quem já vai à caça e à pesca. Olhe e se fosse no Alentejo, que diz? ( sorriso)

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

Que grande maldade, GJ! Ainda temos todos na memória as diatribes de Bush e já nos vem esgrimir essa personagem sinistra que um ex-ministro do PSD ( José Luís Arnaut) considerou "uma lufada de ar fresco". Isso não se faz, francamente!