26/05/09

Trocar ideias

A pergunta era "O que pode fazer de útil para ajudar a sociedade um grupo de jovens?". O jantar - conferência no Horta dos Reis era agradável, o conferencista interessante. Fui até lá e ouvi muita gente e vi um grupo de pessoas jovens umas mais do que outras empenhadas em "querer participar, em querer ser um grupo activo participativo a pensar e a estudar soluções e a incentivar a participação da juventude portuguesa nos assuntos sociais, políticos e económicos do nosso País, mediante organização de conferências e debates que se pretendam edificantes e com raciocínio crítico e independente."
A ideia não será original e a "Plataforma Pensar Claro" ainda estará em fase de orientação. Apesar de tudo gostei de ver jovens que apesar de se revelarem de direita são revolucionários como a esquerda, porque me indica que a sociedade mais jovem começou outra vez a pensar e a querer intervir e isso para mim já é o começo. Gente amorfa e sem opinião ou que não esteja sequer interessada em pensar já temos que chegue. O tempo dirá se este grupo perde a vontade e se morre cínico à nascença. Espero que não, todos são bem vindos desde que sejam capazes de pensar e agir em conformidade.
Do conferencista guardei a seguinte frase por me parecer pertinente no tempo, na hora e no argumento.
"Se dizem que os portugueses são idiotas, eles não podem escolher os governantes." - Pedro Arroja, 21-05-09

5 comentários:

Plataforma pensar Claro disse...

Grande Jóia:

Obrigado pela referência!
Faremos o que estiver ao nosso alcance para não morrer cínicos à nascença. :-)

E, como dissemos, na altura o nosso próximo jantar/conferência será em Setembro. E outras ideias estão a ser trabalhadas.

PS - Só um esclarecimento: alguns dos meus da Plataforma são de direita, outros de centro-direita e outros nem uma coisa nem outra!

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

Conheço muitos jovens empenhados, voluntariosos e interessados em mudar as coisas. Infelizmente, são os adultos, muitas vezes, a impedirem que eles concretizem os seus projectos.

Mike disse...

... (silêncio prudente)... para não ser cítrico no comentário a um post que gostei de ler e nos dá a conhecer uma iniciativa louvável. ;)

Rafael de Souza-Falcão disse...

Grande Jóia: obrigado pelo teu artigo e pela tua presença no jantar-conferência da passada Quinta-Feira (lá se vai o acordo ortográfico!). A ideia não é original e espero também que não fique por aqui, contamos que todos tenham o seu papel activo numa sociedade que queremos cada vez mais 'nossa'. Não conto morrer nem cínico nem à nascença, e espero que as iniciativas da Plataforma não se fiquem por aqui...

Mas fazes referência a uma passagem importantíssima: do Pensar (Claro) para o Agir (eficazmente)!

Até breve!

Grande Jóia disse...

Plataforma, foi com gosto que estive presente. Voltarei certamente!

Rafael, pensar e agir :)

Carlos, vamos fazer força para que isso não aconteça. Tantos projectos que ficam na gaveta dos cínicos e que tornam azedos os sonhos de quem começa.

Mike, a magia das suas palavras já me deixou cidrada ;)